Home + Notícias da Página Principal Cinemas, teatros e museus de Campinas são autorizados a reabrir com limitações;...

Cinemas, teatros e museus de Campinas são autorizados a reabrir com limitações; Veja as regras

286
Cinemas, teatros e museus de Campinas são autorizados a reabrir com limitações; Veja as regras
Reabertura terá que obedecer limitações de público – Foto: ilustrativa

A cidade de Campinas volta a ter atividades culturais retomadas a partir desta sexta-feira (04-set), após publicação do decreto pela prefeitura de Campinas que autoriza a retomada de forma gradual e com limitações. Serão retomadas as atividades de cinemas, teatros, museus e galerias, salas de espetáculo, Buffets adultos e também eventos e convenções. (veja as regras logo abaixo)

“Nos buffets ficará proibida a presença de crianças, maiores de 60 anos e pessoas com comorbidades”

A reabertura deverá obedecer a ocupação máxima do locam estabelecida em 40% da capacidade do local, já o horário de funcionamento deverá ser de no máximo 8 horas por dia, tendo seu horário máximo até 22h00. Os assentos dos locais deverão ter distanciamento mínimo de 1,5 metros e uso obrigatório de máscara. A venda de ingressos, poderá ocorrer de forma online como presencial.

O consumo de alimentos e bebidas deverá ser suspenso, garantindo que todos mantenham o uso das máscaras. Grandes eventos e demais atividades culturais que geram aglomeração ainda aguardam autorização da prefeitura, o que poderá ocorrer ainda no mês de setembro.

De acordo com a prefeitura, a liberação dos eventos culturais ocorre após Campinas completar 28 dias na fase amarela do Plano São Paulo de flexibilização em todo o estado.


Veja as regras
– Controle de acesso obrigatório.
– Agendamento de hora e assentos marcados.
– Proibido aglomeração e fluxo intenso de pessoas.
– Ocupação máxima de 40% da capacidade do local.
– Horário de funcionamento limitado a 8 horas diárias.
– Proibida a realização de projeções, shows, eventos e espetáculos com público em pé.
– Ocupação dos assentos e disposição de filas com distanciamento mínimo de 1,5 metro.
– Estabelecimentos devem exigir de trabalhadores, clientes e frequentadores a utilização de máscaras.
– Ingressos de eventos culturais poderão ser comercializados em bilheterias físicas, desde que respeitados protocolos sanitários e de distanciamento.
– Deverão ser adotados os protocolos geral e setorial do governo estadual disponíveis no site, além das regras específicas da prefeitura, elencadas também na internet.