Home + Notícias da Página Principal Policlínica 2 começa a funcionar em Campinas; veja mais informações

Policlínica 2 começa a funcionar em Campinas; veja mais informações

551
Policlínia 2 começa a funcionar em novo endereço | Crédito: Fernanda Sunega

A Prefeitura de Campinas inicia no dia 10 de agosto (segunda-feira), o atendimento presencial na nova sede da Policlínica 2, na avenida Francisco Glicério, 1.477, esquina com a Barreto Leme.

A nova sede da Policlínica 2 tem cerca de 2.800 metros quadrados, com subsolo e mais cinco andares. O prédio tem acessibilidade, dois elevadores e banheiros em todos os andares, inclusive adaptados. São 32 consultórios no local. Foram investidos R$ 4,2 milhões, custeados como contrapartida, por meio de TACs (Termo de Acordo de Compromisso). Veja abaixo mais informações e especialidades atendidas.

O prédio pertencia à União, que o cedeu para a Prefeitura de Campinas. O prefeito Jonas Donizette agradeceu ao vice-prefeito, Henrique Magalhães Teixeira, pela articulação que levou a essa doação para Campinas.

Segundo o secretário Municipal de Saúde, Carmino de Souza, a entrega da Policlínica 2 para a população é um motivo de grande satisfação. O serviço funcionava na Avenida Campos Salles, 737, num prédio antigo, que se tornou ultrapassado para as necessidades atuais. O secretário explicou que, como no local funcionava um banco, toda a questão sanitária precisou ser refeita para abrigar a Policlínica. A obra foi feita em duas etapas e o prédio foi reformado e adaptado. 

Especialidades
A unidade atende especialidades como endocrinologia, oftalmologia, fonoaudiologia, otorrino, reumatologia, alergologia, gastroenterologia infantil, dermatologia, pneumologia e homeopatia, psicologia e nutrição.

Em razão da pandemia, a unidade tem realizado apenas atendimentos presenciais que não podem ser adiados. A medida vale para pacientes já acompanhados na unidade e também para os encaminhamentos dos centros de saúde. Só não vão funcionar ainda no local a oftalmologia e o ambulatório de tuberculose.