Home + Notícias da Página Principal Floriculturas podem reabrir em Campinas; saiba mais

Floriculturas podem reabrir em Campinas; saiba mais

512

As floriculturas, garden centers e o Mercado de Flores da Ceasa estão autorizados a funcionar em Campinas a partir desta quarta-feira, 6 de maio. Os estabelecimentos foram considerados essenciais pelo Ministério da Agricultura, pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado e também pelo Comitê Covid-19 do Governo do Estado de SP.

O setor de flores, segundo os órgãos federal e estadual, está enquadrado nos serviços essenciais, uma vez que fazem parte da cadeia de abastecimento do agronegócio. Ou seja, as restrições estabelecidas pelas normativas de enfrentamento à Covid-19 não se aplicam a este setor, definido como essencial em portaria do Ministério da Agricultura e Abastecimento.

Regras de segurança

Para reabrirem, os estabelecimentos deverão cumprir todas as normas de segurança sanitária, definidas nos decretos municipais, em especial no Decreto Municipal 20.857, de 4 de maio, entre elas a restrição ao número de pessoas, o distanciamento nas filas, a higienização adequada e o uso de máscaras para funcionários e clientes.

A decisão antecede o Dia das Mães, considerada a principal data para as vendas do setor.

Campinas, segundo dados da Acic (Associação Comercial e Industrial de Campinas), conta com cerca de 180 floriculturas.

Informações

Todas as informações sobre o novo coronavírus ou Covid-19 podem ser acessadas no site criado pela prefeitura.

Na ferramenta, as pessoas encontram todas as medidas do Comitê Municipal de Enfrentamento da Pandemia de Infecção Humana pelo Novo Coronavírus e também podem tirar dúvidas e ter acesso à atualização dos dados da doença em Campinas.

Site sobre o coronavírus : covid-19.campinas.sp.gov.br

Veja mais notícias da região de Campinas