Home + Notícias da Página Principal Uso de bicicletas e patinetes elétricos terão regulamentação em Campinas

Uso de bicicletas e patinetes elétricos terão regulamentação em Campinas

416

uso bicicletas e patinetes elétricos em Campinas, Uso de bicicletas e patinetes elétricos terão regulamentação em CampinasUsuários dos serviços de bicicletas e patinetes elétricos em Campinas devem ficar atentos para as mudanças de uso que entram em vigor a partir de setembro. A Emdec, empresa que controla o transporte na cidade publicou no Diário Oficial do município o novo regulamento.

A nova regulamentação é direcionada para as empresas operadoras dos serviços como a Yellow e Grin, mas se estende também ao usuário de uma forma geral.

De um lado, as empresas devem informar via relatório mensal, dados de quantidade de bicicletas e patinetes utilizados, quantidade de tempo médio de locações, distância média percorrida e o “mapa de calor”, indicando o fluxo dos veículos por meio de georreferenciamento, de outro as empresas contestam a quantidade de informações solicitadas pela Emdec.

A resolução determina quais serão os itens necessários para a segurança dos usuários de bicicletas e patinetes elétricos. Segundo a norma, os veículos não poderão ser estacionados ou abandonados, de forma a construir obstáculo à circulação de veículos ou pedestres. Isso vale para a via ou calçada.

Ao contratar o serviço, as operadoras devem prestar aos consumidores informações suficientes para utilização destes veículos de forma segura. Caso seja necessário o uso de equipamentos obrigatórios, as empresas de locação ficam obrigadas a disponibilizar e orientar os usuários.

Regras
A circulação dos patinetes elétricos somente é permitida em áreas de circulação de pedestres, ciclovias e ciclofaixas com a velocidade máxima de 6 km em áreas de circulação de pedestres; e de 20 km em ciclovias e ciclofaixas.

Os equipamentos devem ter indicador de velocidade, campainha e sinalização noturna (dianteira, traseira e lateral). As bicicletas elétricas podem circular nas ciclovias e ciclofaixas. A potência nominal máxima do motor é de até 350 watts. A velocidade máxima de circulação é de 25 km. As bicicletas elétricas não podem ter acelerador e devem ser dotadas de sistema que garanta o funcionamento do motor somente quando o condutor pedalar.

Elas também devem ter itens, como indicador de velocidade, campainha, sinalização noturna (dianteira, traseira e lateral) e espelhos retrovisores. O uso do capacete de ciclista, para a bicicleta elétrica, é obrigatório.