Home Destaques Saúde alerta sobre incidência do vírus tipo 2 da dengue em Campinas;...

Saúde alerta sobre incidência do vírus tipo 2 da dengue em Campinas; veja sintomas e prevenção da doença

748

A Secretaria de Saúde de Campinas fez um alerta no dia 26 de março, sobre a incidência do vírus tipo 2 da dengue na cidade e a importância de manter os ambientes livres de criadouros. A Secretaria determinou que os casos suspeitos de dengue sejam tratados como prioridade em todos os 65 Centros de Saúde de Campinas. As unidades farão o acolhimento dos pacientes com sintomas da doença e, se necessário, coleta de exames e hidratação.

Dados divulgados pelo Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa) no dia 1º de abril, informam que Campinas tem 799 casos confirmados de dengue. A região mais afetada é a Noroeste, com 370 confirmações. Foram estabelecidas duas unidades de referência na rede – Centro de Saúde São Bernardo, que é próximo ao Hospital Mário Gatti, e a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Campo Grande, que fica na região mais afetada pela dengue.

Os dois serviços terão cada um uma equipe exclusiva para atender casos da doença, com enfermagem, médico, coleta de exame e sala de hidratação. O primeiro já está em funcionamento e o segundo está em fase de organização.

Regiões mais afetadas

A região mais afetada pela dengue é a Noroeste (Campo Grande), nos bairros de abrangência do Centro de Saúde Floresta. A diretora ressalta que apesar da limpeza da Prefeitura, há muito material como lixo nas nas ruas e pede a ajuda da população para eliminar os criadouros do mosquito Aedes aegypti.

O Secretário de Saúde disse ainda que principalmente Barão Geraldo sempre preocupou, todos os anos. “É comum as casas estarem fechadas, você não conseguir entrar, não há cuidado com calhas, caixas d’água, piscinas”, afirmou Carmino.  A orientação é que as pessoas abram as casas para a vistoria das equipes de saúde. Dados da Pasta apontam que 80% dos criadouros estão dentro das residências.

>> Por meio do telefone 156, é possível ter informação dos nomes dos profissionais que atuam nas ruas.

Sintomas da dengue / Medidas

As pessoas que sentirem algum sintoma da doença, como febre alta, dor muscular, fadiga, manchas vermelhas pelo corpo, náusea, vômito, entre outros, devem procurar um centro de saúde. A rede saúde deverá contar, além das unidades, com mais três pontos para hidratação em pacientes com dengue que ainda serão divulgados.

A lista completa com os locais e horários de funcionamento dos Centros de Saúde em Campinas está disponível no site da Prefeitura, na página da Secretaria de Saúde. ** No canto esquerdo da página clicar na opção Unidades de Saúde e em seguida na opção Centros de Saúde:

>> www.saude.campinas.sp.gov.br/saude

Prevenção / como evitar a dengue
Para acabar com a proliferação do mosquito é preciso evitar acúmulo de água, latas, pneus e outros objetos. Os vasos de plantas devem ter a água trocada a cada dois dias. É importante, também, vedar a caixa d’água. Os vasos sanitários que não estão sendo usados devem ficar fechados.

>> Ver + notícias da região de Campinas, atualidades Brasil e Mundo