Home Notícias da Região Conta de luz: Bandeira tarifária vermelha fica 43% mais cara para consumidor

Conta de luz: Bandeira tarifária vermelha fica 43% mais cara para consumidor

810

Conta de luz: Bandeira tarifária vermelha fica 43% mais cara para consumidor, Conta de luz: Bandeira tarifária vermelha fica 43% mais cara para consumidor

O adicional cobrado nas contas de luz do consumidor quando acionada a bandeira tarifária vermelha nível 2, como já acontece em outubro. O valor passará a ser de R$ 5,00 a cada 100 kilowatts-hora consumidos, ante R$ 3,50 atualmente, decidiu a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica). A alta de 42,8% no adicional faz parte de um conjunto de alterações nas regras das bandeiras tarifárias proposto pela Aneel.




A proposta foi colocada em audiência pública, mas entrará em vigor em novembro em regime excepcional, segundo a agência, que busca adequar a bandeira tarifária às necessidades para poupar água dos reservatórios de hidrelétricas. A medida já deverá impactar os consumidores em novembro, uma vez que a previsão é de que o próximo mês continue com bandeira tarifária vermelha nível 2, a mais cara, segundo a Aneel.

>> De acordo com o diretor da Aneel Tiago Correia, a aplicação imediata do novo valor vai evitar um déficit ainda maior na conta que arrecada os recursos das bandeiras tarifárias, que já registra prejuízo. Esses recursos são usados para cobrir o aumento no custo da geração de energia no país, que ocorre quando a falta de chuvas faz cair muito o nível de armazenamento de água dos reservatórios das hidrelétricas e é necessário acionar mais termelétricas – que geram energia mais cara.

Tarifa amarela
A agência também sugeriu alteração da bandeira tarifária amarela, que poderá ficar 50% mais barata, passando de R$ 2,00 para R$ 1,00 de cobrança extra a cada 100 kWh. A bandeira amarela é a primeira da escala de cobrança adicional na conta de luz.

Telefone da Aneel – Agência Nacional de Energia Elétrica : 0800 727 0167