Home Destaques Unicamp fica em 1º lugar em ranking de universidades da América Latina;...

Unicamp fica em 1º lugar em ranking de universidades da América Latina; veja posição das demais faculdades do Brasil

1518

 

unicamp-2017-melhor-universidade-da-américa-latina




A Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) ficou em 1º lugar em ranking de universidades da América Latina na avaliação de um dos principais rankings universitários do mundo, o Times Higher Education. O resultado foi divulgado em 20 de julho. O Times Higher Education é uma publicação britânica, que analisa universidades desde 2011. Com o resultado, a Unicamp ultrapassou a Universidade de São Paulo (USP), que ficou na segunda posição na edição deste ano.

Na avaliação, critérios como ensino, pesquisa, citações, visão internacional e transferência de conhecimento são utilizados como indicadores de desempenho das universidades.Para Marcelo Knobel, reitor da Unicamp, ” É sempre um orgulho para a universidade estar bem posicionada nos rankings internacionais, pois é um reconhecimento do árduo trabalho que aqui realizamos para ter uma escola de excelência em todas as áreas em que atua”. Ele afirma que a universidade se destaca por ser inovadora desde a sua fundação, mantendo “um foco muito grande nas ciências aplicadas”.

Knobel diz ainda que a “flutuação” de posições entre a USP e a Unicamp é algo que “faz parte do processo de rankings”. “As duas têm um corpo de professores, estudantes e funcionários de excelência.Temos agora um esforço extra para, apesar da grave crise que estamos atravessando, conseguir manter essa posição no cenário internacional”. Assim como a USP, a Unicamp afirma ter um comprometimento com a folha de pagamento dos servidores superior à verba repassada pelo Estado de São Paulo, que vem de impostos como o ICMS. Atualmente, o deficit da universidade está previsto em R$ 250 milhões. “A principal preocupação, agora, é atingir o equilíbrio financeiro”, afirma Knobel.




O Brasil no ranking
Ao todo, o Times Higher Education avaliou 81 universidades da América Latina. No quadro das 10 melhores instituições, o Brasil é o país mais presente, com 5 universidades na lista: além da Unicamp e da USP, aparecem no topo a Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), a Ufrj (Universidade Federal do Rio de Janeiro) e a PUC-Rio (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro).

Phil Baty, editor dos rankings da Times Higher Education afirma que apesar de o Brasil gastar mais em pesquisa e desenvolvimento do que os outros países da região, o investimento ainda é pequeno. “Os salários dos pesquisadores também são muito baixos para os padrões internacionais e estão entre os mais baixos da região”, disse. A análise do Times Higher Education;é de que junto ao pouco financiamento para pesquisas, ao excesso de burocracia e a políticas mal-definidas para pesquisas, os baixos salários dos pesquisadores podem incentivar a saída desses estudiosos do país, porém afirmou que Unicamp e USP são universidades muito diferentes que “representam a diversidade e a excelência no setor do ensino superior do Brasil”.

Para informações sobre a Unicamp acesse o site > www.unicamp.br


 

Dez melhores universidades da América Latina:

1- Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) – Brasil
2- Universidade de São Paulo (USP) – Brasil
3- Pontifícia Universidade Católica do Chile – Chile
4- Universidade do Chile – Chile
5- Universidade dos Andes – Colômbia
6- Instituto de Tecnologia e Ensino Superior de Monterrey México
7- Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) – Brasil
8- Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) – Brasil
9- Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) – Brasil
10- Universidade Nacional Autônoma do México – México

Lista de universidades brasileiras e a posição de cada uma no ranking:
1º) Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)
2º) Universidade de São Paulo (USP)
7º) Universidade Federal de São Paulo (Unifesp)
8º) Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
9º) Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio)
11º) Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
12º) Universidade Estadual de São Paulo (UNESP)
14º) Universidade Federal do ABC (UFABC)
15º) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
16º) Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS)
18º) Universidade Federal de São Carlos (UFSCar)
19º) Universidade de Brasília (UnB)
24º) Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj)
26–30) Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
31–35) Universidade Federal de Viçosa (UFV)
36–40) Universidade Federal do Ceará (UFC)
41–45) Universidade Federal Fluminense (UFF)
41–45) Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR)
51–60) Universidade Federal de Goiás (UFG)
51–60) Universidade Federal de Lavras (Ufal)
51–60) Universidade Federal do Paraná (UFPR)
51–60) Universidade Federal de Pelotas (Ufpel)
51–60) Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)
51–60) Universidade Estadual de Londrina (UEL)
61–70) Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop)
61–70) Universidade Presbiterana Mackenzie
61–70) Universidade do Vale dos Sinos
61–70) Universidade Estadual de Maringá (UEM)
61–70) Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG)
71+) Universidade Nove de Julho (Uninove)
71+) Universidade Estadual da Bahia (Uneb)
71+) Universidade do Vale do Itajaí (Univali)
>> Clique para ver + notícias da região de Campinas, atualidades Brasil e mundo