Home Notícias da Região Leis e ações inovadoras colocam Campinas em posição de destaque na preservação...

Leis e ações inovadoras colocam Campinas em posição de destaque na preservação do Meio Ambiente

675

 

Leis e ações inovadoras colocam Campinas em posição de destaque na preservação do Meio Ambiente, Leis e ações inovadoras colocam Campinas em posição de destaque na preservação do Meio Ambiente

O prefeito de Campinas, Jonas Donizette, assinou no dia 12 de junho, a lei que regulamenta o Plano Municipal de Educação Ambiental (PMEA) e o decreto que cria a Central de Inteligência da Cidade Sustentável. O prefeito também encaminhou para a Câmara Municipal o projeto de lei que cria a Política Municipal de Meio Ambiente. Os documentos colocam o município em posição de destaque nas questões relacionadas ao planejamento e ao monitoramento ambiental. O Dia Mundial do Meio Ambiente é comemorado em 05 de junho.




O processo de construção do Plano contou com a participação de várias entidades públicas e privadas do município, entre elas a Fundação José Pedro de Oliveira (Mata Santa Genebra), Conselho Municipal de Meio Ambiente (Comdema) e da Unicamp. Com foco na integração, o principal objetivo do plano é fazer com que as entidades sociais que atuam na educação ambiental do município passem a interagir dentro da Rede Campinas de Educação Ambiental, que será criada.

Para formar essa rede de educadores ambientais, o PMEA prevê a execução de programas voltados para quatro áreas principais: criação e instituição de espaços educadores; formação de educadores; educomunicação; monitoramento e avaliação.

O Plano prevê, ainda, a criação de uma plataforma digital. A ferramenta permitirá que entidades governamentais e população possam se aproximar para trocar informações e construir coletivamente o conhecimento ambiental no município. A ferramenta deve entrar em operação em 2018.

Sobre a central de inteligência
A central de inteligência vai fazer com que as políticas públicas municipais desenvolvidas por todos os órgãos da prefeitura sejam permeadas pelas questões ambientais e de sustentabilidade e estejam reunidas em um mesmo local. O objetivo é permitir que a cidade obtenha respostas mais eficientes e mais rápidas nas questões de meio ambiente.
A Central terá integrantes de todos os órgãos municipais e será responsável por elaborar projetos de sustentabilidade e captar recursos.
>> Clique para ver + notícias da região de Campinas, atualidades Brasil e mundo