Home Destaques Hospital Mario Gatti de Campinas passa a adotar atestado digital para evitar...

Hospital Mario Gatti de Campinas passa a adotar atestado digital para evitar fraudes

713
Novo sistema virá com uma série de números únicos, diferentes para cada documento

Na tentativa de evitar fraudes em documentos falsos, o Hospital Mário Gatti de Campinas passa a adotar um sistema de atestados médicos digitais. De acordo com a direção do hospital, são registrados de 15 a 30 atestados fraudulentos por semana. A Associação Paulista de Medicina se uniu à Secretaria de Saúde do município e cedeu 100 mil formulários de atestados digitais, o equivalente a três anos de emissão desses documentos. O acesso ao sistema será feito a partir do e-cpf do médico.




Com esse novo recurso, cada médico pode imprimir ou enviar o atestado para o e-mail do paciente ou direto para o departamento de recursos humanos da empresa onde trabalha. O objetivo é que isso evite o grande número de falsificações que ocorrem por rasuras no documento ou furtos de blocos de atestados em branco.
De acordo com o hospital, diversas pessoas se aproveitam do expediente do hospital falsificando documentos para não ir ao trabalho. Cerca de 15 vezes por semana, empresas que desconfiam da veracidade do documento procuram o Mário Gatti para validação desses atestados.

A partir de agora, cada atestado digital emitido virá com uma série de números únicos, diferentes para cada documento. Essa série poderá ser usada pela empresa para validar o documento por meio do portal da casa de saúde. Desde o final de abril, médicos do Mário Gatti têm recebido e-cpfs gratuitos e o sistema de atestados digitais está em funcionamento.