Home Destaques “Mercadão” de Campinas completa 109 anos e apresenta estudo para criar praça...

“Mercadão” de Campinas completa 109 anos e apresenta estudo para criar praça de alimentação como o Mercado de São Paulo

1366

mercadao_campinas

O Mercado Municipal, o Mercadão de Campinas celebra nesta quarta-feira (12-abril) 109 anos e a Prefeitura de Campinas anunciou um estudo para a criação de um mezanino para atrair mais público e até mesmo eventos, seguindo o modelo do Mercado de São Paulo, e também mudanças no estacionamento e sua entrada.




O projeto do mezanino já está pronto e contará com área para restaurantes, praça de alimentação e até mesmo eventos relacionados à gastronomia em uma ação para levar ainda mais público para o tradicional centro de compras. O Mercadão recebe em média de 100 mil pessoas por mês.

Serão necessários cerca de R$ 4 milhões para as obras, dinheiro que já havia sido empenhado em 2013 pelo Ministério da Integração Nacional, mas que não foi liberado. A prefeitura agora quer saber o destino desse recurso e da possibilidade de conseguir verbas junto aos ministérios do Turismo e da Cultura.

Outra forma de levar o projeto adiante seria captar os recursos necessários junto a iniciativa privada para a construção do espaço, que ficará instalado sobre os boxes existentes hoje, ainda no projeto o estacionamento passaria das atuais 100 para 200 vagas e também a reestruturação na entrada do local, que passará da rua Benjamin Constant para a Barreto Leme.

Leia também:
Pontos turísticos em Campinas

mercadao-campinas-interior
Local recebe cerca de 100 mil visitantes por mês em busca de especiarias e temperos poucos comuns




História
Inaugurado em 12 de abril de 1908, o Mercado Municipal, também conhecido como mercadão, é um dos símbolos de Campinas. Em seus 143 boxes é possível encontrar uma diversidade de produtos como: verduras, frutos, grãos, temperos, flores, comidas, peixes, ervas e miudesas em geral. Essa variedade contribuiu para atrari clientes que buscam por cereais e temperos a granel outros produtos poucos comuns em outros estabelecimentos.

A relação direta entre comerciantes e seus fregueses torna o local um lugar para se conhecer, passear, saborear e fazer compras. O Mercadão foi tombado pelo Condepacc como patrimônio histórico e cultural da cidade de Campinas em 24 de novembro de 1982.

mercado-municipal-1930
Vista do Mercadão nos anos 30, época em que se usava a carroça como principal meio de transportes