Home + Notícias da Página Principal Estado de São Paulo tem as cidades mais competitivas do Brasil; Veja...

Estado de São Paulo tem as cidades mais competitivas do Brasil; Veja ranking

350
A cidade de Barueri ficou com a primeira posição do ranking

O estado de São Paulo liderou a primeira edição do Ranking de Competitividade dos Municípios, realizado pelo Centro de Liderança Pública (CLP) em parceria com a startup Gove e o Sebrae que reuniu as 405 cidades do país com mais de 80 mil habitantes. Ao todo seis cidades figuram entre a 10 mais competitivas do Brasil.

A primeira posição do ranking ficou com a cidade de Barueri na grande São Paulo, a capital paulista ficou em terceiro lugar. Cidades da região de Campinas apareceram entre as dez primeiras. (veja ranking logo abaixo)


Os indicadores são organizados em três dimensões (instituições, sociedade e economia) e 12 pilares, como qualidade e acesso à saúde e educação, segurança, saneamento e meio ambiente, inserção econômica, sustentabilidade fiscal e funcionamento da máquina pública.

As Regiões Sudeste e Sul foram as que apresentaram melhor desempenho. Elas ocupam as 66 primeiras colocações, com São Paulo à frente (40 municípios). Depois vêm Santa Catarina (7 cidades), Minas Gerais e Paraná, com 6 cidades cada, Rio Grande do Sul (5 cidades) e Rio de Janeiro e Espírito Santo, com um município cada. A cidade do Rio de Janeiro aparece apenas na 71.ª posição.

Leia também:
Conheça as 25 melhores cidades para se viver no estado de São Paulo

As cinco últimas colocações são do Estado do Pará, com as cidades de Moju, Tailândia, Abaetetuba, Tucuruí e Marituba. Os Estados do Amazonas e Maranhão são os que também compõem as notas mais baixas em competitividade, com as cidades de Manacapuru (AM) e Pinheiro (MA).


Outros municípios
Apesar de não terem ficado entre os 10 mais competitivos do Brasil, outros municípios da Região Metropolitana de Campinas (RMC) também se destacaram no ranking:

Americana
Obteve nota 98,83 no pilar saneamento e meio ambiente. No indicador cobertura de abastecimento de água, a cidade atingiu nota máxima e ficou em segundo pelo critério de ordem alfabética, mesma regra que a colocou na liderança do indicador cobertura da coleta de esgoto.

Itatiba
No pilar qualidade da educação, Itatiba é o único município da RMC entre os melhores no que diz respeito ao indicador relacionado ao Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).

Paulínia
Lidera com nota máxima o indicador referente ao produto interno bruto (PIB) per capita do pilar inovação e dinamismo econômico na dimensão econômica. E está na 3ª posição do indicador renda mínima do trabalho formal, com nota 71,15. No pilar das telecomunicações, ficou com a 4ª posição no acesso de telefonia móvel 4G, com nota 96,83.

Valinhos
No pilar segurança, a cidade ficou em 2º lugar no indicador mortalidade de jovens por razões de segurança. Valinhos ainda aparece no ranking como a 3ª nos acessos de banda larga de alta velocidade, com nota 97,08.

Já no indicador mortalidade por causas evitáveis, aparecem Indaiatuba, Valinhos e Paulínia, no 1º, 2º e 5º lugares, respectivamente.


Ranking de Competitividade dos Municípios
(ver ranking completo)
As melhores cidades do Brasil
Posição Cidade Estado
Barueri São Paulo
São Caetano do Sul São Paulo
São Paulo São Paulo
Florianópolis Santa Catarina
Curitiba Paraná
Vitória Espírito Santo
Santos São Paulo
Campinas São Paulo
Indaiatuba São Paulo
10º Porto Alegre Rio Grande do Sul
As piores cidades do Brasil
Posição Cidade Estado
396º Pinheiro Maranhão
397º Cametá Pará
398º Itaituba Pará
399º Breves Pará
400º Manacapuru Amazonas
401º Marituba Pará
402º Tucuruí Pará
403º Abaetetuba Pará
404º Tailândia Pará
405º Moju Pará