Home + Notícias da Região Duplicação da Rodovia dos Tamoios para litoral norte de SP é aberta...

Duplicação da Rodovia dos Tamoios para litoral norte de SP é aberta para o trânsito de veículos

Duplicação da Rodovia dos Tamoios para litoral norte de SP é aberta para o trânsito de veículos

Duplicação da Rodovia dos Tamoios para litoral norte de SP é aberta para o trânsito de veículosA obra para o trecho de duplicação da serra da Rodovia dos Tamoios (SP-99) no sentido Caraguatatuba-São José dos Campos com 22 quilômetros de extensão e cinco túneis foi liberada para o trânsito de veículos no último final de semana.

O novo trecho construído será usado para motoristas que trafegam na subida da serra, do litoral sentido São José dos Campos. Já a pista existente será usada para descida, em direção à Caraguatatuba.

A duplicação beneficia diretamente cerca de 3,3 milhões de habitantes dos municípios de Caraguatatuba, Ilhabela e São Sebastião e de todo o Vale do Paraíba, e traz vantagens de fluidez, conforto e segurança aos mais de 22 milhões de usuários da rodovia por ano.


A operação no início terá restrições em um período de testes. De segunda a quinta-feira haverá interdição no trecho das 22h às 6h entre três e quatro meses. Segundo a concessionária, a medida é para que sejam feitos ajustes em serviços, como o da internet gratuita para os usuários e instalação das novas câmeras.

A obra
A construção da nova pista começou em 2015, teve ao longo dos anos inúmeras detonações de rochas para a extensão da pista e construção de viadutos. Um deles com a extensão de mais de 5,5 km e é considerado o maior túnel rodoviário do país.

A nova via conta também com câmeras de monitoramento, sistema de iluminação, sistema de comunicação com o usuário, inclusive por aplicativo, sinalização, túneis de serviço para socorro a emergências, visando garantir maiores fluidez, segurança e conforto aos usuários.

Contorno
Na época do anuncio da obra, havia um projeto para construção de um contorno que levaria Caraguatatuba a São Sebastião. O trecho foi prometido em 2013 com prazo de entrega de até dois anos. Porém, foi paralisada em 2018 e ficou parada por três anos. Em setembro de 2021, o governo estadual anunciou a retomada da construção do trecho, com entrega prevista para até dois anos. A nova via terá quase 34 km de extensão em um novo corredor logístico para o Porto de São Sebastião e cidades do litoral.