Home Futebol Bayer de Munique vence a Champions League e conquista a tríplice coroa...

Bayer de Munique vence a Champions League e conquista a tríplice coroa em 2020

464
Bayer de Munique vence a Champions League e conquista a tríplice coroa em 2020
Clube alemão vence na temporada a Bundesliga, Copa da Alemanha e Champions League

Com uma campanha irreparável, na qual venceu todas as 11 partidas que disputou, o Bayern de Munique se tornou hexacampeão da Champions League 2020, no domingo (23-ago) ao vencer o PSG por 1 a 0 no Estádio da Luz, em Lisboa, Portugal com um gol de Kingsley Coman, jogador revelado na base da equipe francesa.

Coman chegou ao PSG com apenas 8 anos de idade, em 2004, e permaneceu no clube até 2014, quando foi para a Juventus, a qual trocou pelo Bayern em 2016. Ele atingiu agora o clímax da carreira ao aproveitar um cruzamento de Kimmich e marcar de cabeça aos 14 minutos do segundo tempo.


Na chamada ”era moderna” da Champions League, iniciada em 1992, jamais uma equipe havia vencido todas as suas partidas, e o Bayern, que já havia conquistado a taça em 1974, 1975, 1976, 2001 e 2013, o fez em grande estilo, com destaque para a goleada sobre o Barcelona de Lionel Messi por 8 a 2 nas quartas de final.

Agora, o time é o terceiro maior vencedor da competição, ao lado do Liverpool e atrás apenas de Real Madrid (13 vitórias) e Milan (7). Esta é a segunda vez que o Bayern consegue ganhar a chamada tríplice coroa, ao vencer na mesma temporada a Bundesliga, a Copa da Alemanha e a Champions League. A primeira vez foi em 2013.

Já o PSG de Neymar, finalista pela primeira vez, terá que fazer nova tentativa para obter seu primeiro título na Champions League. Desde a chegada do xeque Nasser Al-Khelaifi, em 2010, foram nada menos que 43 contratações em busca do título europeu, incluindo a mais cara de toda história, a do atacante brasileiro Neymar, pelo qual foram pagos 222 milhões de euros ao Barcelona em 2017.

As duas equipes contaram com retornos importantes para a decisão. No PSG, embora o meia Verratti tenha ficado no banco por não estar 100% fisicamente, o goleiro Navas retornou de lesão e fez grandes defesa. O zagueiro Thiago Silva de saída do clube após oito anos, foi titular, assim como Marquinhos, que atuou como volante, e Neymar.

No Bayern, o atacante Coman retomou a titularidade, e com isso Perisic começou entre os reservas, enquanto o zagueiro Boateng, que era dúvida, até atuou, mas teve uma recaída e deu lugar a Süle ainda no primeiro tempo. O meia espanhol Thiago Alcantara, também apareceu na formação inicial de Hansi Flick.