Home + Notícias 2022 será um ano com vários eventos esportivos; confira o calendário

2022 será um ano com vários eventos esportivos; confira o calendário

645

2022 será o ano dos grandes eventos esportivos com um apertado calendárioO ano de 2022 seria reservado as disputas de vários Mundiais esportivos, se não fosse a pandemia 2021 teria sido um ano de descanso após os Jogos Olímpicos (2020), e de preparação para os Mundiais, ponto máximo de cada Federação Internacional. Mas, devido às mudanças causadas pela pandemia da covid-19, não será assim. Em 2022, o que se vê é um calendário esportivo mundial apertado, ainda mais porque algumas competições já serão classificatórias para os Jogos de Paris-2024.

Em Paris-2024 imagina-se que haverá mais apoio popular pela festa (ao contrário do que aconteceu em Tóquio, que sediou as Olimpíadas 2020 em meio à pandemia neste ano). Mas isso tudo ainda é especulação, uma vez que a pandemia persiste e nem sequer se sabe, ainda, como será a venda de ingressos para os próximos Jogos.


De forma inédita, meses após uma edição olímpica, haverá outra: os Jogos de Inverno, que serão realizados em Pequim, começam no dia 4 de fevereiro. Havia uma insegurança sobre a realização da competição de Inverno caso a de Verão, em Tóquio, não ocorresse ou fracassasse. Mas esse temor se dissipou, e os eventos-teste já estão marcados para ocorrer entre setembro e dezembro deste ano.

Em 2022 ainda seria realizada a quarta edição dos Jogos Olímpicos da Juventude, em Dacar (Senegal), mas o Comitê Olímpico Internacional (COI) decidiu postergar a competição para 2026.

Mas o grande evento esportivo de 2022 será mesmo a Copa do Mundo, no Qatar disputada entre 21 de novembro e 18 de dezembro, data programada por causa das condições climáticas do país-sede.

Nas modalidades olímpicas, o ano de 2022 combinará Mundiais que já estavam previamente marcados para a temporada como o Mundial de Natação entre os dias 13 a 29 de maio, em Fukuoka, no Japão e outros que acabaram adiados por causa da pandemia. O atletismo, por exemplo, terá dois Mundiais no mesmo ano: o de pista coberta, que já seria mesmo realizado em Belgrado (Sérvia), em março, mas também o de pista aberta, em Eugene (EUA), no mês de julho (esse seria disputado em 2021).


O vôlei também terá os Mundiais marcados para 2022, como deveria ser: o masculino na Rússia, de 26 de agosto a 11 de setembro, e o feminino, na Holanda e Polônia, entre setembro e outubro. Mas a Federação Internacional de Vôlei (FIVB) decidiu adiar o Mundial de vôlei de praia, que seria este ano, para o ano que vem. Assim, a competição será realizada em Roma, no mês de junho.

O calendário também prevê Mundiais de várias outras modalidades, mas não só. Há os Jogos da Comunidade Britânica, os Jogos Mundiais Universitários. E também os Jogos continentais, como os Jogos Sul-Americanos, de data e local ainda indefinidos, depois de inicialmente previstos para maio em Assunção, no Paraguai.

Fora que, para classificar para esses Mundiais, há ainda competições continentais de cada esporte em 2021. Para citar apenas o caso do vôlei brasileiro, assumem importância crucial o Campeonato Sul-Americano, que classifica campeão e vice para o Mundial. Em princípio, o torneio feminino já será entre 25 e 29 de agosto, em Barracabemeja, na Colômbia, e o masculino em Brasília, de 1 a 5 de setembro, tudo isso apenas no ano de 2022 que ainda reserva espaço para as competições anuais como mundial de Surf, provas de Ciclismo entre outras.