Home Esportes Confirmada luta entre o boxeador Floyd Mayweather e o lutador de UFC...

Confirmada luta entre o boxeador Floyd Mayweather e o lutador de UFC Conor McGregor; veja a data

2002
Floyd-Mayweather_vs_Conor-Mcregor-2
Lutadores entrarão no ring no dia 26 de agosto para uma luta de boxe e não um MMA

Pela primeira vez o lutador americano Floyd Mayweather (40 anos) se manifestou a respeito de sua luta com o irlandês Conor McGregor (28 anos) após a oficialização de que o combate (será uma luta de boxe e não um MMA) realmente acontecerá no dia 26 de agosto, em Las Vegas (EUA). E o americano se disse muito feliz em retornar da aposentadoria para realizar este duelo tão aguardado.




Durante entrevista, Mayweather foi questionado quanto ele e McGregor deverão receber por essa apresentação (estima-se em cerca de US$ 100 milhões cada). O pugilista não quis revelar números, e preferiu apenas mostrar toda a sua empolgação para voltar aos ringues. “Ainda não posso revelar o valor fechado, mas ambas as partes estão felizes, tanto ele, quanto eu. Mal posso esperar“, disse o lutador americano. Sem nenhuma derrota na carreira de 49 lutas, Floyd Mayweather terá pela frente um atleta que nunca lutou boxe profissionalmente.

Mesmo assim, o americano preferiu enaltecer as qualidades do campeão dos leves (70 kg) do UFC. “McGregor é um competidor duro e todo mundo queria ver essa luta, então eu tive que dar isso porque eles queriam ver. Eles quiseram essa luta. Eu estava aposentado, mas eles me quiseram de volta e eu voltei“, concluiu Mayweather.

Amplamente considerado o melhor boxeador de sua era, Floyd Mayweather Jr foi campeão mundial em cinco divisões de peso diferentes. Ele anunciou sua aposentadoria do boxe em setembro de 2015, após vencer Andre Berto, encerrando sua carreira com um cartel perfeito de 49 vitórias e nenhuma derrota.

Conor McGregor é atualmente o lutador mais popular de MMA do mundo. Desde que estreou no UFC em 2013, o irlandês apelidado de “Notório” teve uma ascensão meteórica na organização. Após seis vitórias consecutivas, ele conquistou o cinturão dos pesos-penas ao derrotar José Aldo com um nocaute em 13seg em dezembro de 2015, e acrescentou o título dos pesos-leves em novembro de 2016 e tornou o primeiro lutador na história a conquistar dois cinturões simultâneos do UFC. Após o feito, ele tirou férias do octógono para acompanhar a chegada de seu primeiro filho, nascido no início de maio.