Home Esportes Mais um alemão conquista o título de campeão mundial na Fórmula 1;...

Mais um alemão conquista o título de campeão mundial na Fórmula 1; veja melhores momentos da corrida em Dubai

1796

nico-rosberg-campeao-formula1-2016




Com o segundo lugar conquistado no Grande Prêmio de Abu Dhabi em Dubai no domingo (27-nov), o alemão Nico Rosberg ganhou seu primeiro título de Campeão Mundial da Fórmula 1. O vencedor da prova foi o inglês Lewis Hamilton, na dobradinha da Mercedes. O terceiro lugar na corrida foi do também alemão Sebastian Vettel, da Ferrari.

Hamilton foi criticado pelo piloto alemão por sua condução anti-esportiva na tentativa de prejudicar Rosberg. Durante a prova o piloto inglês deixou muito claro que segurava seu carro afim de encurtar a distância entre Rosberg (segundo colocado) e os demais pilotos, a direção da equipe chegou a cobrar que Hamilton andasse mais rápido com seu F1.

Se despedindo da categoria, Felipe Massa fez uma prova discreta e terminou com a nona posição com seu Williams. Ainda sem vaga garantida para 2017, Felipe Nasr, da Sauber, completou na 16ª colocação, o brasileiro não conseguiu que o Banco do Brasil renovasse o patrocínio com sua equipe e isso inviabiliza a permanência do piloto. Jenson Button, que também encerra sua carreira na categoria, abandonou o GP.




Filhos de campeões mundiais e Top 10 de títulos na F1

Nico Rosberg é segundo filho de campeão da Fórmula 1 a repetir o feito do pai. Keke Rosberg ganhou seu único título em 1982, correndo pela Williams. Em 1996, Damon Hill, também pela Williams, foi campeão, repetindo o feito do pai Graham Hill, que havia vencido em 1962 e 1968.

O maior de todos – O alemão Michael Schumacher é o recordista de títulos na Fórmula 1. Ele ganhou duas vezes pela Benetton em 1994 e 1995 e cinco pela Ferrari em 2000, 2001, 2002, 2003 e 2004.

> 5 títulos –  Juan Manuel Fangio -o  argentino estreou no GP da Grã-Bretanha de 1950, encerrando sua trajetória no GP da França, de 1958. São 5 títulos conquistados, de 1951, em 1954, 1955, 1956 e 1957

> 4 títulos –  Alain Prost – O piloto francês iniciou sua carreira no GP da Argentina de 1980, finalizando no GP da Austrália de 1993. Participou das equipes Renault, McLaren, Williams e Ferrari, com 4 títulos de conquista, em 1985, 1986, 1989 e por último, em 1993.




 3 títulos – O brasileiro e ídolo mundial Ayrton Senna da Silva faleceu com somente 34 anos, no ano 1994. Estreou na F1 no GP do Brasil de 1984, com última corrida no GP de San Marino de 1994. Senna participou de equipes como Lotus, Toleman, Williams e McLaren. O piloto conquistou 3 títulos, em 1988, 1990 e 1991, sendo idolatrado até dias atuais, com marca na história da F1. Pelos 10 anos de sua carreira, o piloto impressionou o mundo pela velocidade e espírito de luta.

>> Também com 3 títulos de campeão mundial de Fórmula 1 estão:

  • Lewis Hamilton – o grande piloto da Inglaterra foi tricampeão mundial em 2008, 2014 e 2015. Estreou na F1 em 2007 no GP da Austrália pela equipe inglesa McLaren. Em 2013 fez sua estreia pela equipe Mercedes no Grande Prêmio da Austrália.
  • Sebastian Vettel – Este incrível piloto alemão estreou no GP dos Estados Unidos de 2007 e integrou equipes importantes BMW, Red Bull e Toro Rosso. Já são 4 títulos conquistados, em 2010, 2011, 2012 e 2013
  • Nelson Piquet – O brasileiro estreou no GP da Alemanha em 1978, finalizando sua trajetória na Fórmula 1 no ano 1991, no GP da Austrália. Piquet participou de equipes BS Fabrications, Ensign, Williams, Brabham, Benetton e Lotus, com 3 títulos merecidos, em 1981, 1983 e 1987.
  • O austríaco Niki Lauda estreou no GP da Áustria em 1971, e finalizou na Fórmula 1, no GP da Austrália de 1985. Conquistou 3 títulos, em 1975, 1977 e 1984.
  • Jackie Stewart – O britânico, estreou no GP da África do Sul em 1965, encerrando no GP dos Estados Unidos em 1973. Jackie participou das equipes Matra, Tyrrell e BRM, com 3 títulos em 1969, 1971 e 1973



>> 2 títulos – Fernando Alonso – O piloto espanhol  estreou no GP da Austrália em 2001 e integrou equipes Renault, Minardi, Ferrari e McLaren, e conquistou dois títulos na Fórmula 1, em 2005 e 2006.

Jim Clark – O piloto escocês faleceu aos 32 anos, no ano 1968. Estreou no GP da Holanda em 1960, finalizando sua trajetória no GP da África do Sul em 1968. Jim integrou a Lotus e conquistou 2 títulos, no ano 1963 e 1965.

>> 1 título  –  O alemão Nico Rosberg entrou para a história e na lista dos campeões mundiais de Fórmula 1, no domingo 27 de novembro de 2016, no GP de Abu Dhabi em Dubai.  Nico chegou em segundo lugar e conquistou o primeiro título da carreira na Fórmula 1.

Temporada 2016
Um balanço de resultados de Rosberg mostra o bom trabalho do alemão ao longo de toda a temporada que acumulou nove vitórias, cinco segundas posições e dois terceiros lugares. Seu pior resultado foi no GP de Mônaco, sétima colocação. A supremacia da Mercedes, conquistando seu terceiro Mundial de Construtores seguido, permitiu a Rosberg e Hamilton lutarem pelo título até o último momento.




A temporada de 2016 se caracterizou, além da consagração de Rosberg, pela irrupção de Max Verstappen. O holandês assumiu o lugar de Kvyat na Espanha e aos 18 anos, ao volante de uma Red Bull, se tornou o piloto mais jovem da história a vencer uma corrida de Fórmula 1. O momento de maior mal-estar para os dois pilotos da Mercedes teve lugar também no Grande Prêmio da Catalunha, quando ambos se chocaram na primeira volta, disputando a liderança, e abandonaram.

A tensão entre os dois pilotos voltou a aparecer na Áustria. Na última volta, Rosberg se defendia dos ataques de Hamilton, mas, tentando evitar a ultrapassagem, acabou destruindo o bico do seu próprio carro e sofreu uma punição de 10 segundos, o que o empurrou para a quarta posição.

>> Clique para ver + notícias de esportes, futebol Brasil e mundo